Este blog nasceu em 6 de Março de 2004

Mais de 3 milhões de visitas e 4 milhões de páginas visitadas- Obrigado



Sábado, 5 de Fevereiro de 2005

A gaveta das fotos

 

 

A gaveta das fotos

Sou o Rogério que tem por aí um livro de poemas e de vez em vez descobre algumas raridades que me deixam bem-disposto.

Quanto às fotografias sempre fui metódico, isto é, enquanto as fotos não me traziam más recordações. Arquivava as ditas em velhos álbuns, por colegas de escola secundária – Gil Vicente e Patrício Prazeres- Família, amigos de S. Vicente de Fora, atletismo e faculdade.

Depois parei no tempo – o tempo não era tempo para recordar e passei a guardar numa gaveta tudo ao molho e fé em Deus. Às vezes notava que da gaveta saíam uns gritos de protesto e eu não percebia porquê. Na verdade vim a descobrir que havia retratos cujas figuras, agora, se digladiavam.

Estive-me nas tintas para os ditos e ia apertando mais algumas, isto é comprimindo-as, colando cara a cara alguns desses personagens e cada dia que passava maior era o protesto.

Também lá existiam alguns que se aproveitaram para se aproximarem...por isso, às vezes, saíam da gaveta gemidos incontidos de prazer.

Estavam todas numa confusão e eis que resolvi fazer uma selecção.

Vou acabar senão não paro de escrever.

Concluindo há dois anos devolvi umas quantas que eu não queria ver.

É interessante, com o passar do tempo tudo se esbate e o que nos era amargo como o fel passa a ser menos amargo mas com sabor a azedas. Posto isto voltarei se estives disposta a aturares este poeta.

Bom ano e que 2005 te dê a continuação reinante com que nos brindas. Muita felicidade para todos nós, se tempo houver.

Rogério Simões

 

Poemas de amor e dor conteúdo da página
ano do poema: 2005 texto
publicado por poetaromasi às 01:28
link do post | ##COMENTAR## | favorito
 O que é? |  O que é?

amrosaorvalho.gif

MEIO HOMEM INTEIRO
Rogério Simões
 
Meia selha de lágrimas.
Meio copo de água
Meia tigela de sal
Meio homem de mágoa.
Meio coração destroçado
Meia dor a sofrer.
Meio ser enganado
Num homem inteiro a morrer.
11/4/1975

Todos os poemas deste blog, assinados com pseudónimo de ROMASI ou Rogério Martins Simões, estão devidamente protegidos pelos direitos de autor e registados na Inspecção-Geral das Actividades Culturais IGAC - Palácio Foz- Praça dos Restauradores em Lisboa. (Processo 2079/2009). Solicita-se a quem os copiou alterando o nome, não respeitando o texto ou omitindo o seu autor que os apague ou os reponha na fórmula original com os respectivos créditos. Se apreciou algum destes poemas e deseje colocar em blog para fins não comerciais deverá colocar o poema completo, indicando a fonte. Obrigado

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados. All rights reserved