Este blog nasceu em 6 de Março de 2004

Teve mais de 3 milhões de visitas e mais de 4 milhões de páginas visitadas- Obrigado



Quarta-feira, 9 de Junho de 2010

Por quem choras marinheiro?

 

(REAL BORDALO)

 

 

 

Por quem Choras marinheiro

Rogério Martins Simões

 

Por onde andas

pachorrento cacilheiro

lento e velho quebra noz?

 

Molhava-me

quando as ondas,

picadas ao vento,

batiam e saltavam para cima de nós.

 

Pintado em aguarela,

navegando numa tela,

lentamente apodreces,

na velha praia,

onde outrora,

outras velas tiveram o mesmo condão.

 

Viajo de novo num novo barco!

Demora pouco!

E o rio não tem razão para sorrir…

 

Este barco parte as ondas,

desfaz a espuma,

que se esfumam na palma da minha mão…

 

Por quem choras marinheiro?

 

Lisboa, 3 de Julho de 2009

(Ministério da Cultura

- Inspecção-Geral das Actividades Culturais I.G.A.C. –

Processo n.º 2079/09)

 

 

publicado por poetaromasi às 15:35
link do post | ##COMENTAR## | favorito
 O que é? |
Terça-feira, 8 de Junho de 2010

Morte na Praia das Bi...

Foto minha pelas 11, 43 horas Tragédia na Praia das Bicas – Morte em parapente Ontem, na praia, meus olhos ci...

Ler artigo
publicado por poetaromasi às 02:47
link do post | ##COMENTAR## | favorito
 O que é? |
Quarta-feira, 2 de Junho de 2010

Quero ser livre e voar

Quero ser livre e voar Rogério Martins Simões A incerteza me leva, espreita. O silêncio rasteja, chocalha. A ...

Ler artigo
publicado por poetaromasi às 17:53
link do post | ##COMENTAR## | Ler comentários (7) | favorito
 O que é? |
Quinta-feira, 13 de Maio de 2010

O barco...

O barco… Rogério Martins Simões Corri para apanhar o barco. Se não regressasse que diriam se não chegasse? ...

Ler artigo
publicado por poetaromasi às 21:17
link do post | ##COMENTAR## | favorito
 O que é? |
Terça-feira, 4 de Maio de 2010

Serenamente

SERENAMENTE Rogério Martins Simões Serenamente volto às palavras do coração: O nosso amor é tão lindo. ...

Ler artigo
publicado por poetaromasi às 01:32
link do post | ##COMENTAR## | favorito
 O que é? |
Sábado, 24 de Abril de 2010

Aos meus poemas

Óleo sobre tela REAL BORDALO) Aos meus poemas Romasi Rogério Martins Simões Esta pasta encerra e transporta a mi...

Ler artigo
ano do poema: Poemas antigos 1973
publicado por poetaromasi às 20:45
link do post | ##COMENTAR## | favorito
 O que é? |
Terça-feira, 30 de Março de 2010

Pela noite fora...

PELA NOITE FORAROMASI Rogério Martins Simões Pela noite fora Sento no meu colo, de sonho, O meu tesoiro: As...

Ler artigo
publicado por poetaromasi às 20:42
link do post | ##COMENTAR## | favorito
 O que é? |
Domingo, 21 de Março de 2010

Enfim chove...

(Foto de Rogério Simões) Enfim... chove... Rogério Martins Simões Lá fora chove. Chove dentro de mim... e n...

Ler artigo
ano do poema: 2010
publicado por poetaromasi às 00:00
link do post | ##COMENTAR## | favorito
 O que é? |
Quinta-feira, 18 de Março de 2010

Ninguém me viu... (re...

Fotografia da minha autoria publicada em "Caras" e Olhares" http://olhares.aeiou.pt/poetaromasi ...

Ler artigo
ano do poema: 2008
publicado por poetaromasi às 15:22
link do post | ##COMENTAR## | Ler comentários (4) | favorito
 O que é? |
Quinta-feira, 4 de Março de 2010

Faz de conta...

Faz de conta...Rogério Martins Simões Faz de conta que as palavras se abreme te deixam pasmar...Faz de conta que irás...

Ler artigo
ano do poema: 2010
publicado por poetaromasi às 21:18
link do post | ##COMENTAR## | Ler comentários (2) | favorito
 O que é? |

amrosaorvalho.gif

MEIO HOMEM INTEIRO
Rogério Simões
 
Meia selha de lágrimas.
Meio copo de água
Meia tigela de sal
Meio homem de mágoa.
Meio coração destroçado
Meia dor a sofrer.
Meio ser enganado
Num homem inteiro a morrer.
11/4/1975

Todos os poemas deste blog, assinados com pseudónimo de ROMASI ou Rogério Martins Simões, estão devidamente protegidos pelos direitos de autor e registados na Inspecção-Geral das Actividades Culturais IGAC - Palácio Foz- Praça dos Restauradores em Lisboa. (Processo 2079/2009). Solicita-se a quem os copiou alterando o nome, não respeitando o texto ou omitindo o seu autor que os apague ou os reponha na fórmula original com os respectivos créditos. Se apreciou algum destes poemas e deseje colocar em blog para fins não comerciais deverá colocar o poema completo, indicando a fonte. Obrigado

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados. All rights reserved

www.PRchecker.info