Este blog nasceu em 6 de Março de 2004

Mais de 3 milhões de visitas e 4 milhões de páginas visitadas- Obrigado



Terça-feira, 11 de Março de 2008

A menina dança?

 

 

A MENINA DANÇA?

Rogério Martins Simões

 

Minha mãe que vai ser de mim

Passos os dias a cuidar do gado,

Implore à senhora do Bonfim

Que me arranje um bom noivado!

 

Minha mãe está bem assim?

Lavei o rio no meu corpo criado…

Não visto cambraia! Visto cetim

Seios de carmim e corpo rosado.

 

Minha mãe e se eu for ao baile,

Não precisa de vestir seu xaile…

Minha mãe! Vou ter cuidado:

 

Viço de rosa, cravo e alecrim

Minha mãe reze por mim

Que eu não tenho namorado!

 

A menina dança? Vamos dançar?

Acerto o passo! Pula a paixão…

Olha-me nos seios, sobe a visão…

Olho-o nos olhos querem beijar.

 

Aperta, e abraça, bate o coração…

Somos os reis da festa: bonito par!

Sobe o compasso, protejo com a mão…

Você namora? Vamos namorar!

 

O tempo passa, resta a recordação:

Como é sua graça? Vamos casar!

Apagaram a luz, a noite e o luar…

A senhora dança? Agora não…

 

Minha mãe está bem assim?

Lavei no rio o meu corpo criado

Visto cambraia! Não visto cetim…

Seios de carmim e corpo cansado!

 

Lisboa, 22-09-2007 23:36:37

 

 

 

 


 

La chica baila?

Rogério Martins Simões

 

Mí madre que a pasar conmigo

Paso los días a cuidar del ganado

Pide a la señora del Bonfim

Que me arregle un buen noviazgo.

 

Mí madre quedase bien así?

Duché el río en mí cuerpo ya creado

No pongo cambray! Pongo satén

Senos carmines y cuerpo rosado

 

Mí madre si yo me voy a bailar

No necesito tú chal o mantón)

Mí madre! voy a tener cuidado

 

Verdor de rosa, clavo y alecrín

Mí madre reza por mí

Pues que no tengo novio!

 

La chica baila? Vamos a bailar?

Arreglo el paso! Salta la pasión

Me mira los senos, los tapo con la mano

Quieres noviar? vamos a noviar!

 

Apreta, abraza, suena el corazón

Somos los reyes de la fiesta: linda pareja!

Sube el compás, cubro con la mano

Quieres noviar? Vamos a noviar!

 

El tiempo pasa, sólo la recordación:

Cómo te llamas? Quieres casarte conmigo?

Se apagó la luz, la noche y el lunar

La señora baila? Ahora no...

 

Mí madre quedase bien así?

Duché el río en mí cuerpo ya creado

Pongo cambray! No pongo satén

Senos carmines y cuerpo cansado.

 

(Traducción Maria Elena Sancho)

 

Poemas de amor e dor conteúdo da página
ano do poema: 2007
publicado por poetaromasi às 02:45
link do post | ##COMENTAR## | Ler comentários (1) | favorito
 O que é? |  O que é?
Sexta-feira, 28 de Setembro de 2007

A menina dança?

(Quadro do Metropolitan Museam of art) A MENINA DANÇA? Rogério Martins Simões A menina dança? Vamos dançar? Ace...

Ler artigo
ano do poema: 2007
publicado por poetaromasi às 22:20
link do post | ##COMENTAR## | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 26 de Setembro de 2007

Reencarnação - Daniel...

Reencarnação Daniel Cristal Preciso de outro corpo que sustenhao brilho da firmeza, tida outrora,e que guarde esta...

Ler artigo
ano do poema: Daniel Cristal
publicado por poetaromasi às 22:56
link do post | ##COMENTAR## | favorito
 O que é? |  O que é?
Sábado, 1 de Janeiro de 2005

Tango...

(Foto da net) TANGO (Rogério Simões) Percorro teu corpo Que dispo lentamente E as minhas mãos entrelaçadas Nas ...

Ler artigo
ano do poema: 2004
publicado por poetaromasi às 00:50
link do post | ##COMENTAR## | Ler comentários (6) | favorito
 O que é? |  O que é?

amrosaorvalho.gif

MEIO HOMEM INTEIRO
Rogério Simões
 
Meia selha de lágrimas.
Meio copo de água
Meia tigela de sal
Meio homem de mágoa.
Meio coração destroçado
Meia dor a sofrer.
Meio ser enganado
Num homem inteiro a morrer.
11/4/1975

Todos os poemas deste blog, assinados com pseudónimo de ROMASI ou Rogério Martins Simões, estão devidamente protegidos pelos direitos de autor e registados na Inspecção-Geral das Actividades Culturais IGAC - Palácio Foz- Praça dos Restauradores em Lisboa. (Processo 2079/2009). Solicita-se a quem os copiou alterando o nome, não respeitando o texto ou omitindo o seu autor que os apague ou os reponha na fórmula original com os respectivos créditos. Se apreciou algum destes poemas e deseje colocar em blog para fins não comerciais deverá colocar o poema completo, indicando a fonte. Obrigado

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados. All rights reserved