Este blog nasceu em 6 de Março de 2004

Teve mais de 3 milhões de visitas e mais de 4 milhões de páginas visitadas- Obrigado



Quinta-feira, 2 de Outubro de 2008

Palavras soltas...

 

 

 

 
PALAVRAS SOLTAS
Rogério Martins Simões
 
Volta e meia, dou a volta
E volto ao local onde já parti,
Onde cheguei,
E prometi não voltar…
Todas as viagens são curtas…
Desvio-me dos caminhos longos
Por onde não deveria ter andado
E tento esquecer o percurso
Que não programei…
 
- Acuso o meu corpo
De espreitar o sol,
E deixar passar as nuvens!
- Acuso o meu corpo
De segurar a vida
Sorvido
De palavras soltas…
 
Molho as palavras em água fria
A minha vida
Vista daqui
É uma extensa mão intrometida
Onde todos os caminhos foram percorridos
Todos os espaços ocupados
Com palavras soltas
 
Levei muito tempo a apanhar o trilho
- Não me tapes a boca coração…
O sol queima…
 
Lisboa, 28 de Setembro de 2008
 
 

 

publicado por poetaromasi às 00:13
link do post | ##COMENTAR## | Ler comentários (1) | favorito
 O que é? |
Terça-feira, 25 de Dezembro de 2007

DOUTAS PALAVRAS DO CO...

(Óleo sobre tela, Elisabete Sombreireiro Palma) (Membro efectivo da Academia Virtual Sala Dos Poetas e Escri...

Ler artigo
ano do poema: 12/11/2007
publicado por poetaromasi às 23:31
link do post | ##COMENTAR## | favorito
 O que é? |
Domingo, 28 de Outubro de 2007

Fonte de esperança

Fonte de esperança Rogério Simões Minhas palavras ocas Lançadas ao vento! Adeus Minhas palavras velhas Ao sabor d...

Ler artigo
ano do poema: 1973 (poemas antigos)
publicado por poetaromasi às 22:28
link do post | ##COMENTAR## | favorito
 O que é? |
Sexta-feira, 19 de Janeiro de 2007

SAPO, agradecimento p...

(VAN GOGH) POEMAS DE AMOR E DOR Bastam pequenos nadas de tudo De tudo, mais pequenos que o sejam Dos pequenos gestos...

Ler artigo
ano do poema: Grato
publicado por poetaromasi às 23:24
link do post | ##COMENTAR## | Ler comentários (5) | favorito
 O que é? |
Sábado, 5 de Fevereiro de 2005

A gaveta das fotos

A gaveta das fotos Sou o Rogério que tem por aí um livro de poemas e de vez em vez descobre algumas raridades que m...

Ler artigo
ano do poema: 2005 texto
publicado por poetaromasi às 01:28
link do post | ##COMENTAR## | favorito
 O que é? |

amrosaorvalho.gif

MEIO HOMEM INTEIRO
Rogério Simões
 
Meia selha de lágrimas.
Meio copo de água
Meia tigela de sal
Meio homem de mágoa.
Meio coração destroçado
Meia dor a sofrer.
Meio ser enganado
Num homem inteiro a morrer.
11/4/1975

Todos os poemas deste blog, assinados com pseudónimo de ROMASI ou Rogério Martins Simões, estão devidamente protegidos pelos direitos de autor e registados na Inspecção-Geral das Actividades Culturais IGAC - Palácio Foz- Praça dos Restauradores em Lisboa. (Processo 2079/2009). Solicita-se a quem os copiou alterando o nome, não respeitando o texto ou omitindo o seu autor que os apague ou os reponha na fórmula original com os respectivos créditos. Se apreciou algum destes poemas e deseje colocar em blog para fins não comerciais deverá colocar o poema completo, indicando a fonte. Obrigado

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados. All rights reserved

www.PRchecker.info