Este blog nasceu em 6 de Março de 2004

Mais de 3 milhões de visitas e 4 milhões de páginas visitadas- Obrigado



Sexta-feira, 7 de Março de 2008

Ciúme mata!

 

 

 

O ciúme mata…

(Rogério Martins Simões)

 

Abri a janela de meu quarto

Quatro paredes, um deserto…

Tenho a sensação de estar farto!

E o chão ali por perto...

 

Afunda-se a noite na alma

Na dor, por amor, tanto sofreu

Esta noite não está calma,

Está tão escura como o breu

 

Clamo por minha loucura

Quatro paredes um deserto…

Não tenho medo da altura

E o chão ainda mais perto...

 

Olho de novo para o rio

Hoje não há luar de prata

É verão e tenho frio

E o meu ciúme mata.

 

Pairam as nuvens que o ciúme deu

A lua não tem mais lugar certo

Amor o que te aconteceu?

Tristemente perdido perto…

 

1989

 

Poemas de amor e dor conteúdo da página
ano do poema: 1989
publicado por poetaromasi às 00:33
link do post | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 31 de Janeiro de 2007

Real Bordalo

REAL BORDALO Rogério Martins Simões Apanho o eléctrico amarelo à pendura, Agacho-me para o condutor não ver, O ...

Ler artigo
ano do poema: 2007
publicado por poetaromasi às 23:34
link do post | ##COMENTAR## | Ler comentários (2) | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 22 de Agosto de 2006

ROGÉRIO é o meu nome

Rogério é meu nome Há na vida momentos para tudo. Ao longo da nossa vida tivemos momentos “tábua rasa”...

Ler artigo
ano do poema: texto
publicado por poetaromasi às 14:03
link do post | ##COMENTAR## | Ler comentários (3) | favorito
 O que é? |  O que é?
Sábado, 20 de Maio de 2006

Pai parabéns

(Foto da autoria do Sr. Padre Pedro) Pai parabéns! Hoje, 20 de Maio de 2006, quis Deus que fosse o seu aniversário, e...

Ler artigo
ano do poema: texto dedicado a meu pai
publicado por poetaromasi às 00:03
link do post | ##COMENTAR## | Ler comentários (1) | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 28 de Dezembro de 2004

CONFLITOS

De vez enquanto descobrimos textos antigos – mas não tão antigos como podem parecer – que passam desper...

Ler artigo
ano do poema: texto 2004
publicado por poetaromasi às 01:36
link do post | ##COMENTAR## | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 4 de Outubro de 2004

Eis aqui um homem

(Foto Padre pedro) EIS, AQUI, UM HOMEM! Romasi Rogério Martins Simões Eis, aqui, um homem, nos passos vazios da...

Ler artigo
ano do poema: 1975
publicado por poetaromasi às 20:16
link do post | favorito
 O que é? |  O que é?
Domingo, 30 de Maio de 2004

HOMEM

HOMEM ROMASI A idade chegou, Dizem… Já não sou adolescente Agora dependo de mim Sou consciente. Homem Pe...

Ler artigo
ano do poema: 1968
Notas: A morte saiu à rua - José Afonso
publicado por poetaromasi às 21:31
link do post | ##COMENTAR## | favorito
 O que é? |  O que é?

amrosaorvalho.gif

MEIO HOMEM INTEIRO
Rogério Simões
 
Meia selha de lágrimas.
Meio copo de água
Meia tigela de sal
Meio homem de mágoa.
Meio coração destroçado
Meia dor a sofrer.
Meio ser enganado
Num homem inteiro a morrer.
11/4/1975

Todos os poemas deste blog, assinados com pseudónimo de ROMASI ou Rogério Martins Simões, estão devidamente protegidos pelos direitos de autor e registados na Inspecção-Geral das Actividades Culturais IGAC - Palácio Foz- Praça dos Restauradores em Lisboa. (Processo 2079/2009). Solicita-se a quem os copiou alterando o nome, não respeitando o texto ou omitindo o seu autor que os apague ou os reponha na fórmula original com os respectivos créditos. Se apreciou algum destes poemas e deseje colocar em blog para fins não comerciais deverá colocar o poema completo, indicando a fonte. Obrigado

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados. All rights reserved