Terça-feira, 30 de Abril de 2019

DIANTE DOS MEUS OLHOS

diante dos meus olhos.JPG

DIANTE DOS MEUS OLHOS

Rogério Martins Simões

 

Diante dos meus olhos

Revejo palavras concretas

Que me deixam colado à incerteza:

Será o frio razão suficiente

Para apreciar o calor?

 

A minha gratidão

Estará sempre presente

Nas mais leves E breves

Gotículas de natureza:

Passo lento e curto

No encalce de um percurso

Marcado

Limitado

Que, diante dos meus olhos,

Fixa distintamente o Universo.

 

O que vejo é um caminho curto

Que não me esconde

As dúvidas de uma certeza:

Por cada passo que dou,

Mesmo devagarinho,

Percorro o meu caminho

Para alcançar a luz:

Que se esconde por detrás do sol…

 

Meco, 3 de Dezembro de 2011

(Próximo Livro Poemas de amor e dor)

Poemas de amor e dor conteúdo da página
publicado por poetaromasi às 01:14
link do post | ##COMENTAR## | favorito
Quinta-feira, 4 de Abril de 2019

CLIVAGEM

CLIVAGEM Rogério Martins Simões Por que andais Com a Europa às costas Se não a podeis clivar? Aqui “Onde a terra se a...

Ler artigo
publicado por poetaromasi às 12:17
link do post | ##COMENTAR## | favorito
Quarta-feira, 6 de Fevereiro de 2019

NASCI EM JULHO NUM DI...

NASCI EM JULHO, NUM DIA DE SOL. Rogério Martins Simões Às vezes eu sou uma ave planando ao vento; Outras vezes rujo f...

Ler artigo
publicado por poetaromasi às 18:18
link do post | ##COMENTAR## | favorito
Sábado, 12 de Janeiro de 2019

CONSTRUÇÃO

Foto de Rogério Simões CONSTRUÇÃORogério Martins SimõesPasso a passo,Passo em corrida o cansaço,Recordo como fui constr...

Ler artigo
publicado por poetaromasi às 23:31
link do post | ##COMENTAR## | favorito
Sexta-feira, 9 de Novembro de 2018

POR QUE SOU TRISTE?

POR QUE SOU TRISTE? Rogério Martins Simões Saber, quero saber por que sou triste? Querer, por mais querer, o riso e...

Ler artigo
publicado por poetaromasi às 22:20
link do post | ##COMENTAR## | favorito
Sábado, 3 de Novembro de 2018

DEPOIS DE TANTO VER...

DEPOIS DE TANTO VER Rogério Martins Simões Depois de tanto a ver Partir e chegar Voltava a desaparecer E a regressa...

Ler artigo
publicado por poetaromasi às 19:12
link do post | ##COMENTAR## | favorito
Sexta-feira, 2 de Novembro de 2018

Deixa a Ternura

DEIXA A TERNURA Rogério Martins Simões Quando no desespero em que me deito, Como uma onda varrendo no mar alto, Qua...

Ler artigo
publicado por poetaromasi às 22:50
link do post | ##COMENTAR## | favorito
Segunda-feira, 15 de Outubro de 2018

UM PÚCARO DE SAUDADE

Ler artigo
publicado por poetaromasi às 23:40
link do post | ##COMENTAR## | favorito
Quinta-feira, 19 de Julho de 2018

FONTANÁRIO DA ESPERAN...

FONTANÁRIO DA ESPERANÇA Rogério Martins Simões Adeus Minhas palavras ocas Lançadas ao rio… Adeus Minhas palavras ve...

Ler artigo
publicado por poetaromasi às 22:17
link do post | ##COMENTAR## | favorito
Terça-feira, 17 de Julho de 2018

AH! ESTE SOL

AH! ESTE SOL Rogério Martins Simões Preciso deste silêncio De enrolar as minhas palavras em silêncio Se as leres… n...

Ler artigo
publicado por poetaromasi às 23:55
link do post | ##COMENTAR## | favorito

amrosaorvalho.gif

MEIO HOMEM INTEIRO
Rogério Simões
 
Meia selha de lágrimas.
Meio copo de água
Meia tigela de sal
Meio homem de mágoa.
Meio coração destroçado
Meia dor a sofrer.
Meio ser enganado
Num homem inteiro a morrer.
11/4/1975

Todos os poemas deste blog, assinados com pseudónimo de ROMASI ou Rogério Martins Simões, estão devidamente protegidos pelos direitos de autor e registados na Inspecção-Geral das Actividades Culturais IGAC - Palácio Foz- Praça dos Restauradores em Lisboa. (Processo 2079/2009). Solicita-se a quem os copiou alterando o nome, não respeitando o texto ou omitindo o seu autor que os apague ou os reponha na fórmula original com os respectivos créditos. Se apreciou algum destes poemas e deseje colocar em blog para fins não comerciais deverá colocar o poema completo, indicando a fonte. Obrigado

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados. All rights reserved © DIREITOS DE AUTOR